• Português
  • English
  • notícias

    Bronzeado perfeito = Proteção solar completa

    Bronzeado perfeito = Proteção solar completa
     
    Saiba como aproveitar a exposição solar de forma saudável e garantir a cor do verão
     
    Na estação mais quente do ano é comum que as pessoas busquem o bronzeado ideal. Para ter a tonalidade do verão é muito importante saber mais sobre a ação dos raios solares, maneiras de proteger a pele e dicas de alimentos que auxiliam na manutenção da cor.
     
    A primeira e mais importante dica é saber os horários em que não se deve ficar exposto ao sol, o período das 10h às 16h. Nas áreas onde o horário de verão é vigente esse horário ocorre das 11 às 17h. Nesse período existe maior quantidade de radiação ultravioleta B, aquela que causa vermelhidão, queimaduras, envelhecimento precoce e até mesmo o câncer de pele. Já a radiação ultravioleta A é idêntica durante todo o dia, por isso é importante utilizar o protetor solar sempre.
     
    O protetor solar deve ser aplicado 30 minutos antes da exposição solar, reaplicado de duas em duas horas e também depois de sair da água. Ele deve ser utilizado em todo o corpo e espalhado até a total absorção. Para indicar o filtro de proteção correto determina-se o tipo de pele em uma escala de 1 a 6:

     
    1 e 2 – Pele muito clara: precisa de filtro com FPS 60. Neste tipo de pele o fator de proteção não pode ser reduzido após alguns dias de exposição. Isso porque a pele muito clara não bronzeia, apenas fica vermelha.

     
    3 e 4 – Pele morena: nos primeiros dias de exposição é necessário utilizar o protetor com fator elevado, de FPS 45 a FPS 60. A medida que a pele for se acostumando é possível diminuir o fator de proteção. Importante: Nunca utilizar FPS menor que 30.

     

    5 e 6 – Pele negra: manter o filtro entre o FPS 30 e 20 em todos os dias de exposição. A pele negra não corre risco de queimadura, mas precisa de proteção assim como as outras.
     
    Entre sete e dez dias antes da exposição ao sol é interessante colocar na dieta os alimentos ricos em vitamina C, licopeno e betacaroteno. A cenoura, a abóbora e a laranja auxiliam na produção de melanina, por isso colaboram na manutenção do bronzeado. Já a acerola, o caju, o limão, a melancia e o tomate cozido auxiliam na proteção contra a radiação solar e são antioxidantes.
     
    Colocando essas dicas em prática, o sol transforma-se em um grande aliado, garantia de um bronzeado atraente e saudável.

    Deixe seu comentário