• Português
  • English
  • notícias

    Micose: como prevenir

    mulher coçando o braço

    Reprodução Internet: banco de imagens Google

    A micose é uma infecção causada por fungos, micro-organismos que se alimentam da queratina presente em nossa pele, unhas e cabelos. Quando encontram condições favoráveis, como calor, umidade e baixa de imunidade estes fungos podem se reproduzir. Surgem com maior frequência em áreas de dobras como axilas, virilhas, entre os dedos das mãos e pés, mas também podem ocorrer em qualquer outra área do corpo. Os principais tipos de micoses são:

    Pitiríase Versicolor
    Também conhecida como pano branco, são pequenas manchas esbranquiçadas com descamações. Podem estar unidas ou isoladas e geralmente aparecem nos ombros, pescoço, tronco, e rosto. A cor poder ser branca, rosada ou castanha, e dificilmente coçam. Este tipo de micose é mais comum em pessoas de pele oleosa.

    Tinhas
    Este tipo de micose é caracterizada por manchas vermelhas de superfície escamosa, com limites bem nítidos e que coçam. Quando ocorre nos pés pode ser chamada de “pé-de-atleta”, mas pode aparecer em qualquer lugar do corpo. Nas crianças, é comum no couro cabeludo formando uma placa com crostas que causam coceira intensa, parecendo que o cabelo foi cortado na região afetada.

    Médico verificando pé de paciente

    Reprodução Internet: banco de imagens Google

    Onicomicoses
    São as micoses que atingem as unhas, tanto dos pés quanto das mãos. A unha descola e fica mais grossa, podendo até mesmo mudar de cor e forma. No início é uma mancha de cor clara pequena, depois vai se espalhando e a unha fica mais espessa e mais sensível, o que pode causar dor. As micoses são tratadas com medicamentos antifúngicos. O tipo escolhido depende de onde a infecção está e sua gravidade, por isso é muito importante consultar o dermatologista.

    Fatores que podem colaborar para o surgimento das micoses:

    Pomada antimicótica

    Reprodução Internet: banco imagens Google

    Prevenção/Tratamento
    A higiene pessoal é muito importante na prevenção das micoses. Tenha o seu próprio material de manicure. Após o banho, seque-se muito bem principalmente nas dobras, como as axilas, as virilhas e os dedos dos pés. Não ande descalço em áreas que sempre estão úmidas como saunas, lava-pés de piscinas. Não fique com roupas molhadas por muito tempo, não compartilhe toalhas, roupas, escovas de cabelo e bonés. Não use calçados muito fechados por muito tempo e escolha os modelos com mais ventilação. Evite roupas muito quentes e apertadas e também tecidos sintéticos, pois eles prejudicam a transpiração da pele.

    Quanto ao tratamento pode ser feito com cremes ou comprimidos e deve ser acompanhado por um médico. Tratamento feito a laser também é eficaz para combater o problema.

    Postado por:Admin Categoria: Dermatologia Clínica,Notícias

    Deixe seu comentário