• Português
  • English
  • notícias

    Mulheres que consomem bebidas alcoólicas têm mais risco de desenvolver rosácea

    De acordo com um estudo realizado pelo Departamento de Dermatologia da Brown University em Providence, Rhode Island e publicada no Journal of the American Academy of Dermatology mulheres que consomem bebidas alcoólicas tem mais chances de desenvolver rosácea do que mulheres que não bebem.

    O estudo também revelou que quanto maior for o consumo de álcool, maiores as chances de se desenvolver a doença.

    Durante a pesquisa, foram analisados os dados de 82.737 mulheres que faziam parte do Nursing ‘Health Study II entre 1991 e 2005.

    Durante o período de 14 anos, em um intervalo de 4 a 4 anos, foram coletados dados sobre a ingestão de álcool de cada uma das participantes, incluindo a frequência de consumo e o tipo de álcool consumido. Após esse período um total de 4.945 desenvolveram rosácea.

    Quando comparadas com as mulheres que não beberam álcool, as que bebiam apresentaram um risco muito maior de desenvolver o problema. Além disso, os pesquisadores descobriram que o risco de rosácea aumentou, juntamente com o aumento da ingestão de álcool.

    Ao analisar como o tipo de álcool consumido afeta o desenvolvimento da rosácea, os pesquisadores descobriram que o vinho e branco e o licor aumentam ainda mais os riscos.

    A rosácea consiste em uma doença crônica que provoca vermelhidão e rubor na pele, sendo mais comum no rosto e no pescoço e que acomete principalmente mulheres após os 30 anos de idade, sendo mais comum durante a menopausa.

    Postado por:Admin Categoria: Sem categoria

    Deixe seu comentário