Prevenindo e Tratando o Melasma

 

O Melasma é uma condição que se caracteriza pelo surgimento de manchas escuras na pele, principalmente na face, e que também pode ocorrer nos braços, pescoço e colo. Afeta mais frequentemente as mulheres, podendo ser vista também em homens. Não há uma causa definida, mas muitas vezes esta condição está relacionada ao uso de anticoncepcionais femininos, à gravidez e, principalmente à exposição solar. O que desencadeia o Melasma é a exposição à luz ultravioleta e, até mesmo, à luz visível. Além dos fatores hormonais e da exposição aos raios solares, a predisposição genética também influencia no surgimento desta condição.

Prevenindo o Melasma

A prevenção ao surgimento e aumento das manchas na pele deve ser feita com a aplicação de protetor solar, todos os dias. Em casa, use protetor solar cor da pele, uma vez que este é o único capaz de proteger da luz visível, que ao lado da luz ultravioleta e do calor, é responsável pelo escurecimento de muitos tipos de manchas da pele. A aplicação deve ser feita de forma que o creme cubra completamente a mancha, a ponto de ela não ser vista a olho nu, garantindo, desta forma, que a luz não a esteja atingindo. O produto deve ser reaplicado a cada 2 horas e ter fator de proteção 30 ou maior.

Nas gestantes o cuidado deve ser redobrado, o filtro solar deve ser físico para diminuir a absorção sistêmica e não haver problemas ao bebê. Além disso, não deve ser oleoso, para não deixar a pele oleosa e obstruir os poros, aumentando o risco de aparecerem espinhas, comuns na gestação.

Peelings Químicos

O termo Peeling significa descamação. O procedimento consiste na reconstituição controlada de parte ou de toda epiderme, com ou sem a derme, levando a esfoliação e remoção de lesões superficiais, seguida pela formação de um novo tecido. Com essa remoção, a pele realiza um processo de reestruturação e renovação, estimulando a produção de colágeno.
Existem muitos tipos de Peelings, os químicos superficiais são realizados com aplicação de ácido retinóico, ácido salicílico, ácido glicólico, resorcina e removem somente a camada córnea, a mais superficial da epiderme. Aos pacientes de Melasma indicamos 5 aplicações, uma por semana, com resultados satisfatórios, que podem variar de pele para pele.

Microagulhamento

O Microagulhamento é um procedimento feito com um roller constituído de múltiplas microagulhas. O aparelho é passado na pele em várias direções a fim de causar micro perfurações de 0,5 a 3,0 mm de profundidade e favorece a formação de novas fibras de colágeno, que dão firmeza e sustentação à pele, melhorando os poros abertos, rugas superficiais, cicatrizes causadas por feridas e por acne, estrias, manchas, melasma e até mesmo alopécia.

A técnica permite que se sejam aplicadas substâncias como o ácido retinóico, clareadores, ácido tranexâmico, fatores de crescimento, vitamina C, que ajudam no estímulo de colágeno, no rejuvenescimento e até no clareamento da pele, por isso é muito utilizado no tratamento do Melasma.

Compartilhe com 1 ou 2 amigas.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

Novidades Constantes sobre Pele, Cabelos, Unhas e Saúde Corporal

Preencha com o seu Melhor E-mail

Abra o Chat
Ajuda
Quer agilizar o seu atendimento?
Powered by