Cirurgia de Unha Encravada

atualizado em: 20/02/2024
Tempo de Leitura: 4 minutos
Sumário

Entenda como funciona a cirurgia de unha encravada, um procedimento delicado para aliviar dor e tratar encravamentos. Da anestesia à remoção cuidadosa, descubra como essa intervenção promove uma recuperação eficaz. Entenda mais sobre esse assunto lendo o texto abaixo.

Cirurgia de unha encravada - imagem ilustrativa

Introdução

As unhas, estruturas complexas formadas por queratina, desempenham funções importantes na proteção e sensibilidade. Alterações, como a temida unha encravada, podem comprometer a saúde podal. 

Quando a borda da unha penetra na pele adjacente, ocorre a unha encravada, condição que frequentemente demanda intervenção cirúrgica para restaurar conforto e funcionalidade.

Neste artigo, vamos explorar a cirurgia de unha encravada, incluindo o que é, quando é indicada, como é realizada, como é o período pós-procedimento e quais os riscos. Leia até o final e saiba mais!

O que é a unha encravada?

Uma unha encravada ocorre quando a borda da unha cresce e penetra na pele circundante, causando desconforto, dor, inflamação e muitas vezes infecção. Geralmente, isso acontece nos cantos das unhas, principalmente nos dedões dos pés. 

Quando uma unha encravada não responde a cuidados caseiros, como banhos de água morna e elevação da borda da unha, pode ser necessária intervenção médica, incluindo a cirurgia para a remoção da porção encravada.

A cirurgia remove cuidadosamente a porção da unha que penetra na pele. Métodos como matricectomia parcial são empregados, retirando a porção da matriz ungueal que produz a porção da unha que encrava, mas preservando o restante da matriz ungueal.

Quando é indicada a cirurgia de unha encravada?

A cirurgia de unha encravada é indicada quando a condição não responde a tratamentos conservadores ou caseiros. 

Caso haja sinais de infecção, dor persistente, inflamação recorrente ou quando as tentativas de cuidados domiciliares não proporcionam alívio duradouro, a intervenção cirúrgica pode ser necessária. 

O profissional de saúde avaliará a situação individualmente, considerando a gravidade e os sintomas específicos apresentados pelo paciente.

Como é realizada a cirurgia de unha encravada?

A cirurgia de unha encravada é conduzida com cuidado e precisão. Inicialmente, o profissional de saúde realiza uma avaliação minuciosa da unha encravada para determinar a gravidade da condição e a presença de infecção. 

Em seguida, administra-se uma anestesia local na área ao redor da unha para garantir que o paciente não sinta dor durante o procedimento. 

Após a preparação da área, o profissional remove cirurgicamente a porção da unha encravada, adotando a abordagem mais apropriada, seja a matricectomia parcial, dependendo das características específicas da unha e da extensão do problema. 

O objetivo é aliviar a dor, prevenir complicações futuras e promover uma recuperação eficaz.

Que cuidados devo ter após a cirurgia de unha encravada?

Após a cirurgia, a ênfase nos cuidados pós-procedimento é crucial. Manter a área limpa, realizar curativos conforme instruções médicas, evitar calçados apertados e seguir prescrições de analgésicos e antibióticos são essenciais para controlar a dor, prevenir infecções e promover a cicatrização.

Quais os riscos da remoção da cirurgia de unha encravada?

Embora segura, a cirurgia de unha encravada carrega alguns riscos. Infecções, sangramento excessivo, recorrência e alterações na textura ungueal são potenciais complicações. A adesão rigorosa às orientações médicas é vital para minimizar esses riscos.

Como prevenir o desenvolvimento de unha encravada?

A prevenção da unha encravada envolve práticas simples e cuidados regulares com as unhas e os pés. Aqui estão algumas dicas que podem ajudar a evitar o desenvolvimento de unhas encravadas:

  • Corte adequado das unhas: Corte as unhas retas em vez de arredondadas. Evite cortar muito próximo aos cantos e mantenha um comprimento uniforme.
  • Evite cortes muito curtos: Não corte as unhas excessivamente curtas. Deixe uma pequena borda para evitar que as unhas cresçam para dentro.
  • Use calçados adequados: Escolha sapatos que proporcionem espaço suficiente para os dedos e não comprimam as unhas. Evite calçados apertados.
  • Mantenha os pés secos e limpos: Mantenha os pés secos e limpos para prevenir infecções. Troque de meias regularmente e escolha calçados respiráveis.
  • Cuidado ao cortar as unhas dos pés: Se tiver dificuldade em cortar as unhas dos pés, considere procurar a ajuda de um profissional, como um podólogo.
  • Evite Traumas nas Unhas: Proteja os pés de lesões ou traumas que possam afetar as unhas. Use calçados adequados para atividades físicas.
  • Mantenha as Unhas Saudáveis: Fortaleça as unhas mantendo uma dieta equilibrada e utilizando produtos específicos para unhas, se necessário.
  • Monitore Alterações nas Unhas: Esteja atento a qualquer sinal de alteração nas unhas, como vermelhidão, inchaço ou dor, e procure ajuda profissional se necessário.

Lembrando que, se você desenvolver sinais de uma unha encravada, é essencial buscar orientação médica. Ignorar os sintomas pode levar a complicações e aumentar a gravidade do problema.

Entender os sinais, buscar intervenção especializada e adotar cuidados pós-cirúrgicos são passos cruciais. 

Foto Dra Natalia
Dra. Natalia Cymrot
CRM: 84332-SP
RQE: 30628 - Dermatologia
Dra. Natalia Cymrot é dermatologista formada e pós graduada pela Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, com Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia.
Dra Natalia Cymrot

Acompanhe no Instagram

🌬 Com a chegada do frio, é comum surgirem problemas de pele, como a pele seca. Essa condição pode causar muito desconforto, como coceira e irritação. Entender por que isso acontece e adotar cuidados específicos pode ajudar a proteger e manter a saúde da sua pele durante os meses mais frios.

Neste texto, vamos dar algumas dicas essenciais para manter a pele hidratada e bem cuidada durante o inverno. Confira!

Link está na descrição 👉 @nataliadermatologia

✅ Eu sou a Dra. Natalia Cymrot CRM 84.332, Dermatologista Clínica, Pediátrica, Cirúrgica, Laser e Estética, e vou explicar para vocês.

Para marcar consultas, entre em contato conosco pelo Whatsapp (link na descrição) ou 📞 (11) 99386-0675

Se esse conteúdo foi útil para você, deixe nos comentários! ⤵ E compartilhe o post em suas redes sociais.

#peleseca #pelesecanoinverno #inverno #estetica #dermatologista #dermatologiaclinica #dermatología
🔎 Descubra tudo sobre a dermatite atópica, uma condição que causa desconforto e impacta a qualidade de vida. Entenda seus sintomas, tratamentos convencionais e a promissora fototerapia como nova abordagem no combate a essa condição. Entenda mais sobre esse assunto lendo o texto no blog!

Link está na descrição 👉 @nataliadermatologia

✅ Eu sou a Dra. Natalia Cymrot CRM 84.332, Dermatologista Clínica, Pediátrica, Cirúrgica, Laser e Estética, e vou explicar para vocês.

Para marcar consultas, entre em contato conosco pelo WhatsApp (link na descrição) ou 📞 (11) 99386-0675

Se esse conteúdo foi útil para você, deixe nos comentários! ⤵ E compartilhe o post em suas redes sociais.

#fototerapia #dermatiteatopica #dermatite #estetica #dermatologista #dermatologiaclinica #dermatología
➡ Se você está lidando com verrugas virais, saiba que existem diversas opções de tratamento disponíveis para ajudar a eliminar essas lesões incômodas. Confira esse reels para saber quais são elas.

É importante ressaltar que o tratamento ideal pode variar de acordo com o tipo e localização das verrugas, bem como a resposta individual de cada paciente. Por isso, é essencial consultar um dermatologista para avaliação e orientação personalizada.

⚠ Não deixe que as verrugas atrapalhem sua qualidade de vida. Procure ajuda profissional e inicie o tratamento adequado para se livrar delas de uma vez por todas!

Siga o nosso perfil para acompanhar as dicas semanais ou acesse o site (link na descrição 👉 @nataliadermatologia).

#verrugaviral #verruga #estetica #dermatologista #dermatologiaclinica #dermatología
👩🏼‍🦰 Você já ouviu falar sobre alopecia areata? É uma condição autoimune que afeta os folículos pilosos, levando à queda de cabelo no couro cabeludo e no corpo. Além dos desafios físicos, a doença pode abalar a autoestima e o bem-estar emocional dos pacientes. Felizmente, há uma boa notícia: a Anvisa aprovou recentemente o Ritlecitinib, uma nova opção de tratamento para essa condição.

Neste artigo, vamos explorar mais sobre a alopecia areata e como essa nova medicação pode oferecer esperança aos pacientes. Confira!

Link está na descrição 👉 @nataliadermatologia

✅ Eu sou a Dra. Natalia Cymrot CRM 84.332, Dermatologista Clínica, Pediátrica, Cirúrgica, Laser e Estética, e vou explicar para vocês.

Para marcar consultas, entre em contato conosco pelo Whatsapp (link na descrição) ou 📞 (11) 99386-0675

Se esse conteúdo foi útil para você, deixe nos comentários! ⤵ E compartilhe o post em suas redes sociais.

#alopeciaareata #alopecia #estetica #dermatologista #dermatologiaclinica #dermatología
💕 Que o amor floresça ainda mais neste Dia dos Namorados! 

#namorados #diadosnamorados
O site https://nataliadermatologia.com.br/ visa melhorar o acesso aos pacientes à informação de qualidade sobre sua saúde, porém nada substitui uma avaliação completa, durante consulta médica e diagnóstico adequados.
Responsável técnico: Dra. Natalia Cymrot CRM: 84332-SP | RQE Nº : 30628 - Dermatologia
DIREITOS RESERVADOS NATALIA CYMROT - DESENVOLVIDO POR SURYAMKT
Entrar em contato via Telefone
magnifiercross